21/06/2013

Vandalismo? Acho que não!

Com esses protestos só escutamos duas coisas: VANDALISMO e SEM VIOLÊNCIA! Confesso a vocês que nunca fui adepta do quebra-quebra para fazer movimentações não, mas desde que tudo começou, escutei muito e li algumas coisas sobre o porque de ter 'violência'. E, assistindo o NETV hoje, especialmente o momento que Hugo Esteves fala da ação dos vândalos na Prefeitura do Recife, informando que os presos pelo vandalismo tiveram a fiança no valor de R$10.000 e, como não tinham dinheiro para pagar, foram encaminhados diretamente ao Cotel, me lembrei de um fato que aconteceu com a minha família.
Meu tio, irmão da minha mãe e a quem eu chamo de pai, mora próximo a nossa casa com uma mulher que, quando bebe, sai na rua à procura dele e fica dando escândalo. Um belo dia ela veio aqui em casa, bêbada, e começou a gritar e xingar a mim e a mainha. Passamos quase 2h trancadas dentro de casa porque ela, do lado de fora, quebrava tudo o que encontrava no terraço e jogava os destroços contra a porta da sala. Durante essas 2h ligamos insistentemente, tanto nós quanto os vizinhos, para a polícia e as atendentes só informavam que 'no momento todas as viaturas estão em ação'. Quando finalmente as 'autoridades' chegaram, viram nosso terraço em frangalhos e perguntaram o que tinha acontecido; informamos e acabamos todos indo à delegacia. Mainha prestou queixa e pasmem, meus caros, o TCO não saiu com a acusação de vandalismo; e o pior, depois de 7 meses houve a audiência e sabem qual foi a pena da meliante? Fazer trabalho comunitário numa escola do bairro: durante 1 ano ela vai 1h por dia na escola auxiliar no que tiver. Agora eu pergunto a vocês: porque essa criatura que quebrou a minha casa e ofendeu e ameaçou a mim e a minha mãe doente, vale ressaltar, não é vândala e teve contra ela apenas um TCO, enquanto essas pessoas que estavam na rua, protestando contra esse país de impunidade e corrupção, são tachados como vândalos, têm uma fiança de R$ 10.000 e vão direto para o presídio? Qual a lógica disso tudo, meus caros?
Depois de todos esses acontecimentos e algumas poucas reflexões eu digo a vocês que eu acredito que a violência seja necessária para surtir efeito numa sociedade que é anestesiada. Ontem vi nas ruas muita gente que só queria participar de algo, sem importar pelo que esse 'algo' lutava; gente que só queria uma foto com a cara pintada para postar nas redes sociais; gente que segue uma moda e não podia ficar de fora da moda do protesto. Mas também vi alguns 'vândalos' e 'marginais' que sabiam o que estavam fazendo ali e, principalmente, sabiam como fazer e, infelizmente, ou felizmente, sei lá, a violência é necessária. Só levamos 52.000 pessoas às ruas ontem porque uma semana antes os manifestantes de SP apanharam e sofreram nas mãos de policiais e porque nesse Brasil só enxergamos as coisas quando elas tem cor, cheiro e gosto de sangue.
Então sim, meus amigos, precisamos de violência e precisamos de vândalos pois foram eles que em 64 se armaram, foram às ruas, lutaram e morreram para garantir que hoje nós possamos ir às urnas votar, mesmo que seja em políticos corruptos.
Agora deixo vocês com um texto de altíssima qualidade, o Vandalismo por Direito, para vocês entenderem bem o porque de 'Ter Violência'!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©